SBT - Sistema Brasileiro de Televisão
DE FRENTE COM GABI

DOM - 00h00

A APRESENTADORA

A Apresentadora
Marília Gabriela Baston de Toledo Cochrane nasceu na cidade de Campinas (SP) em 31 de maio de 1948. Marília era o nome de uma parteira que ajudou no seu nascimento, e Gabriela foi homenagem à avó italiana. Morou em Ribeirão Preto (SP) dos 11 aos 20 anos, onde se formou professora primária. Mudou para a capital para estudar cinema e publicidade.

Em 1969, começou a trabalhar na TV Globo, época em que foi repórter do Jornal Nacional e do Jornal Hoje de São Paulo. Em 1972, fez reportagens para o Fantástico . Dois anos depois, atuou como repórter especial do dominical, mas foi em 1980 que o público conheceu melhor seu talento de apresentadora: Marília foi âncora do antológico TV Mulher , com participação de Ney Gonçalves Dias, Marta Suplicy, Xênia e Henfil.

Ainda na década de 80 foi correspondente da TV Globo em Londres e apresentadora do programa mensal Aplauso , dirigido por Augusto César Vanucci. Na TV Bandeirantes, em 1985, estreou o Marília Gabi Gabriela ; em 1989, destacou-se como mediadora de debates das eleições presidenciais. Nesse período, foi âncora do Jornal Bandeirantes . De 1987 a 1994, apresentou o programa Cara a Cara . No GNT, estrelou Aquela Mulher (1995/96) e Marília Gabriela Entrevista (1997 até hoje).

No SBT, foi apresentadora do SBT Repórter de 1995 a 2000, do First Class e De Frente com Gabi . Depois de uma passagem de dois anos pela Rede TV!, Marília voltou ao SBT para apresentar o De Frente com Gabi , de segunda a sexta, de maio de 2002 a maio de 2003. De agosto de 2003 a abril de 2004, Gabi passou a ancorar o mesmo programa aos domingos, em produção independente, exibida pelo SBT.

A multifacetária Gabi ainda gravou três discos como cantora – Arranjos 1 e 2 e Perdida de Amor – e atuou como atriz em quatro peças teatrais: Esperando Beckett (2000), A Peça sobre o bebê (2003), Senhora MacBeth (2006) e Aquela Mulher (2008); além de oito filmes: Jenipapo (1996), Ed Mort (1997), O diabo a quatro e Avassaladoras (2002), Gregório de Mattos – gema quem gemer (2003), Primavera (2005), Bellini e o demônio (2006) e Sexo com amor (2007).

Na TV, Marília atuou como atriz em Senhora do Destino (2004), JK (2006), um episódio de Sob Nova Direção (2006), em Duas Caras (2007) e em Cinquentinha (2009), obras da TV Globo. E ainda escreveu os livros Cara a cara com Marília Gabriela , pela Editora Siciliano; Marília Gabriela Entrevista – 10 anos de programa , pela Editora Globo; e Eu que amo tanto , pela editora Rocco.